Quem sou eu

Minha foto
Prazer, me chamo Kênia, moro em Brasília – DF, sou professora de inglês, canceriana, torcedora do Palmeiras, amante de chocolate e gatos. Tenho como paixão a música, especialmente o rock. Minhas bandas do coração são o Oasis e o Skank. No mesmo nível de paixão está a leitura e o cinema. Adoro seriados inteligentes e de super heróis, e às vezes algo meloso e fofinho pra dar uma equilibrada. Leio de tudo um pouco, mas sou fascinada por distopias, thrillers, fantasia e mitologia. Tenho uma queda pela escrita do Neil Gaiman e do Stephen King e adoro descobrir escritores novos de escrita instigante, principalmente os nacionais. Amo viajar e conhecer novas culturas e lugares históricos. Londres é meu lugar favorito no mundo e tive a oportunidade de desbravar essa maravilha de cidade três vezes. Já pisei em 12 países e só penso em aumentar a lista. Iniciei esse blog há 3 anos com o intuito de compartilhar experiências de um pouco de tudo: resenhas de livros, viagens pelo Brasil e pelo mundo, dicas de inglês, experiências e pensamentos pessoais. Divirtam-se ♥

segunda-feira, 28 de setembro de 2015

RESENHA: P.S. I STILL LOVE YOU - JENNY HAN

A resenha de hoje é da continuação do livro Para Todos os Garotos que Já Amei, da Jenny Han. Mais um livro super fofo de se conferir!

Sinopse: Lara Jean não esperava realmente se apaixonar por Peter. Eles estavam apenas fingindo. Então, de repente, não estavam mais. Agora, ela está mais confusa do que nunca. 
Quando outro garoto de seu passado retorna a sua vida, os sentimentos de Lara Jean retornam também. Pode uma garota estar apaixonada por dois garotos ao mesmo tempo? Amor nunca é fácil, mas talvez seja por isso que é tão maravilhoso. 


"Algumas vezes eu gosto tanto de você que eu não consigo aguentar. Isso cresce dentro de mim, todo o caminho até a borda, e eu sinto como se fosse transbordar. Eu gosto tanto de você que nem sei o que fazer com isso. Meu coração bate tão rápido quando sei que vou te ver de novo. E então, quando você olha para mim do jeito que você faz, eu me sinto a garota mais sortuda do mundo. Aquelas coisas que Josh disse sobre você não são verdade. Você não me deixou para baixo. Apenas o oposto. Você me colocou para fora. Você me deu minha primeira história de amor, Peter. Por favor, apenas não deixe ela terminar ainda. 
Pessoas vem e vão da nossa vida. Por um tempo elas são o nosso mundo, elas são tudo. E então um dia elas não são mais. Não tem como dizer quanto tempo você vai as ter por perto. 
Eu sei agora que eu não quero amar e ser amada em pequenas medidas. Eu quero tudo, e para ter tudo você tem que arriscar tudo."

Festas de fim de ano. Família e roupas tradicionais. Assim começa o segundo livro, com as irmãs Song se preparando para o Ano Novo na casa de um dos tios. Vestidas à carater, com um belo hanbok, Lara Jean não pensa em outra coisa a não ser um garoto chamado Peter.
Ela novamente escreve uma linda carta de amor para ele e está procurando coragem para entregá-lo. Afinal, os dois estão meio que brigados devido a um boato que espalharam sobre os dois. Como Lara Jean tem as melhores irmãs do mundo, elas a encorajam a procurá-lo para resolver a situação, com a condição de que Margot também procure Josh e resolvam a deles.

Assim, Lara Jean vai vestida com seu Hanbok a casa de Peter. A princípio, era só pra desejar Feliz Ano Novo, mas graças a jovem atrapalhada, ele descobre a carta que ela lhe escreveu, trazendo de volta todos os sentimentos que ambos possuem. Eles conversam, se entendem e então decidem começar um relacionamento de verdade.

É aí que a história começa. Acompanhamos o namoro de Peter e Lara Jean que se gostam bastante apesar das diferenças e que no dia-a-dia vão percebendo o que amam um no outro e o que não entendem um no outro. Peter é um jovem maravilhoso, que mostra o quanto Lara Jean e sua família são especiais, mas por outro lado não consegue se abrir o suficiente com sua namorada, o que vai gerar alguns conflitos entre o casal. É aguardado um drama bem interessante aí.

E a trama fica mais interessante quando John Ambrose  McClaren aparece na vida de Lara Jean novamente. Ele é um dos garotos que ela já amou e claro, escreveu uma carta também. O que ele não tinha feito era responder ou conversar com ela a respeito.
Eles começam a se comunicar por cartas e o jovem se mostra o mais bacana dos carinhas, distraindo um pouco Lara Jean do drama que ela está passando com Peter.

Esse segundo livro basicamente gira em torno do relacionamento de Lara Jean com Peter, a chegada de John, a jovem e seu trabalho voluntário em Belleview e os conflitos com sua ex-irritante-melhor amiga Genevieve.

Eu recomendo novamente a leitura, até porque quem leu o primeiro, vai querer saber o desfecho. Mas não somente por isso, esse livro é mais dinâmico, a personagem principal amadurece de uma forma incrível e continuamos a conferir a narrativa sobre a sua perspectiva, o que nos leva a mergulhar em seus pensamentos e torcer por seus objetivos. O final é bem previsível e incrívelmente rápido, o que não deixa de ser bonito de qualquer forma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário