Quem sou eu

Minha foto
Prazer, me chamo Kênia, moro em Brasília – DF, sou professora de inglês, canceriana, torcedora do Palmeiras, amante de chocolate e gatos. Tenho como paixão a música, especialmente o rock. Minhas bandas do coração são o Oasis e o Skank. No mesmo nível de paixão está a leitura e o cinema. Adoro seriados inteligentes e de super heróis, e às vezes algo meloso e fofinho pra dar uma equilibrada. Leio de tudo um pouco, mas sou fascinada por distopias, thrillers, fantasia e mitologia. Tenho uma queda pela escrita do Neil Gaiman e do Stephen King e adoro descobrir escritores novos de escrita instigante, principalmente os nacionais. Amo viajar e conhecer novas culturas e lugares históricos. Londres é meu lugar favorito no mundo e tive a oportunidade de desbravar essa maravilha de cidade três vezes. Já pisei em 12 países e só penso em aumentar a lista. Iniciei esse blog há 3 anos com o intuito de compartilhar experiências de um pouco de tudo: resenhas de livros, viagens pelo Brasil e pelo mundo, dicas de inglês, experiências e pensamentos pessoais. Divirtam-se ♥

domingo, 22 de maio de 2016

EXPOSIÇÃO FRIDA KAHLO - CONEXÕES ENTRE MULHERES SURREALISTAS NO MÉXICO

Finalmente chegou a exposição que eu estava ansiosa em conferir!


Da admiração de pintoras surrealistas por Frida e também da influência artística da mexicana sobre elas, trata a exposição Frida Kahlo – Conexões entre Mulheres Surrealistas no México, em cartaz na Caixa Cultural de Brasília. O evento pode ser visto das 9h às 21h. A entrada é gratuita, mas é preciso retirar uma senha pela internet ou na própria bilheteria da Caixa Cultural.

A seleção feita pela curadora Teresa Arcq inclui 30 trabalhos de Frida, sendo 20 óleos em tela e 10 obras em papel. Os famosos autorretratos da artista mexicana, com as saias longas, os arranjos de flores na cabeça e as sobrancelhas unidas, compõem parte do acervo.

Artistas incluídas na mostra: Frida Kahlo, María Izquierdo, Remedios Varo, Leonora Carrington, Rosa Rolanda, Lola Álvarez Bravo, Lucienne Bloch, Alice Rahon, Kati Horna, Bridget Tichenor, Jacqueline Lamba, Bona de Mandiargues, Cordelia Urueta, Olga Costa e Sylvia Fein.

Essas foram as obras que mais me atraíram e o que eu consegui fotografar:






























Nenhum comentário:

Postar um comentário