Quem sou eu

Minha foto
Prazer, me chamo Kênia, moro em Brasília – DF, sou professora de inglês, canceriana, torcedora do Palmeiras, amante de chocolate e gatos. Tenho como paixão a música, especialmente o rock. Minhas bandas do coração são o Oasis e o Skank. No mesmo nível de paixão está a leitura e o cinema. Adoro seriados inteligentes e de super heróis, e às vezes algo meloso e fofinho pra dar uma equilibrada. Leio de tudo um pouco, mas sou fascinada por distopias, thrillers, fantasia e mitologia. Tenho uma queda pela escrita do Neil Gaiman e do Stephen King e adoro descobrir escritores novos de escrita instigante, principalmente os nacionais. Amo viajar e conhecer novas culturas e lugares históricos. Londres é meu lugar favorito no mundo e tive a oportunidade de desbravar essa maravilha de cidade três vezes. Já pisei em 12 países e só penso em aumentar a lista. Iniciei esse blog há 3 anos com o intuito de compartilhar experiências de um pouco de tudo: resenhas de livros, viagens pelo Brasil e pelo mundo, dicas de inglês, experiências e pensamentos pessoais. Divirtam-se ♥

sábado, 16 de julho de 2016

CHAPADA DOS VEADEIROS - GOIÁS - BR

Destino das férias de julho: Chapada dos Veadeiros, Goiás. Minha primeira vez no lugar tão conhecido por amantes da natureza e cachoeiras! Dizem que as mais belas cachoeiras se encontram lá. Tive que conferir!

Convidei uma amiga pra passar 3 dias, que eu julgava suficiente pra conhecer um pouco do lugar, e percebi que não é. Um motivo pra voltar, né?
Fomos em uma sexta-feira pela manhã, pegamos o ônibus que saí da Rodoviária Estadual em Brasília para Alto Paraíso. A viagem dura em torno de 3h à 4 horas e o valor da passagem varia de R$36,00 à R$50,00, dependendo de onde você vai pegar o ônibus. 

Fizemos uma reserva no Reges Hostel, lugar muito bem localizado e um serviço de excelente qualidade! Fizemos uma reserva de 3 dias, mas acabou que ficamos só a noite de sexta-feira, sábado fizemos check-out e eles nem cobraram adicional.

Na sexta-feira à tarde e no sábado pela manhã, caminhamos por Alto Paraíso, que é super tranquila e fácil de se localizar. A cidade é bem conhecida pelos extra terrestres que apareceram anos antes e em todo lugar que você passa se vê esculturas dessas criaturas.
Outra coisa bacana de Alto Paraíso é o quanto as pessoas são simpáticas e tranquilas, paz e amor mesmo! Por onde passamos, fomos bem tratadas e essa vibração positiva é sentida na cidade inteira.
Na sexta-feira à noite, consegui encontrar um lugar onde tomei a melhor caipirinha da minha vida! Taj Mahal Restaurante e Pizzaria é um lugar maravilhoso. Ambiente bem cultural, com música de qualidade e a comida? Maravilhosa! No restaurante, há posters de bandas e artistas de rock e mpb, além de se ouvir esse tipo de música lá. Foi uma noite incrível!




















No sábado, fizemos check-out do Reges Hostel e um amigo da minha amiga, que mora na Chapada há alguns anos, veio nos buscar em Alto Paraíso para nos levar à Cavalcante.
A Chapada dos Veadeiros é dividida em certos municípios, dentre os mais populares: Alto Paraíso, São Jorge e Cavalcante. Minha intenção era conhecer os três, mas com o tempo curto, só conseguimos conhecer Alto Paraíso e Cavalcante.

Então, no sábado, por volta das 11:30, fomos para Cavalcante, que fica à uns 40 minutos de Alto Paraíso. Antes de chegarmos na cidade em si, passamos por uma fazenda pra conhecer a Cachoeira Poço Encantado. Ela fica dentro de uma fazenda e pra ter acesso à cachoeira, é preciso pagar R$20,00. 







Chegando em Cavalvante, fomos almoçar em um lugar maravilhoso, que até hoje eu sonho com aquela comida sobrenatural! O restaurante se chama Canela da Ema e eles fazem uma comida bem gourmet que te deixa fascinado! Pedi um prato que consistia de arroz com carne seca, cebola, pequi, batata doce e batata palha. Acompanhado de suco de frutas vermelhas! Yummy!



Após o almoço delicioso, nos acomodamos na casa desse amigo, que é guia na Chapada, descansamos e aproveitamos a noite de Cavalvante com uma banda formada de vários estrangeiros que decidiram sair de seus países (Holanda, França) para levar uma vida mais tranquila no Brasil, na Chapada.

No domingo pela manhã, acordamos cedo para conhecer a famosa Cachoeira Candaru. Pra chegar lá, leva-se mais ou menos uma hora em uma estrada de terra. Uma vez no local, caminhamos por 5 km de trilha. A trilha é bem pedrogosa e com alguns trechos bem íngremes, a ida é praticamente só descida de médio nível de dificuldade, tem que ter atenção, mas dá pra seguir. A chegada é na parte baixa da Cachoeira do Candaru. Que visual incrível!
A volta é que é meio complicada, realmente tem que ter um preparo físico bom. Eu penei um pouco na volta, tive que parar duas vezes pra descansar e continuar a subida. Mas deu tudo certo.











Na volta para o centro de Cavalcante, paramos no Mirante Ave Maria e na Cachoeira de mesmo nome. A trilha para ver a cachoeira é bem curta, mas um pouco perigosa, já que fica de frente pra um penhasco. O visual é maravilhoso, a natureza não cansa de nos impressionar!
Deu pra perceber que a cachoeira não estava com o jato de água forte, já que o período de seca estava se aproximando, o que não impediu de ser bonita de qualquer forma.

Paramos no centro da cidade para almoçar de verdade e claro, descansar. A trilha para Candaru meio que nos derrubou. A noite foi em casa para descansar e acordar cedo para retornar à Brasília. Não precisamos voltar ao terminal em Alto Paraíso, como o nosso amigo guia tem vários contatos, ele conseguiu um carro para nos levar e por um preço mais em conta.

Esse passeio foi rápido, mas foi só um incentivo para voltar e conhecer mais desse paraíso que é a Chapada dos Veadeiros. Volto em breve pra conhecer São Jorge, com certeza!









Nenhum comentário:

Postar um comentário